sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Trânsito VII: fila de carros

Lady Murphy. A própria. Onipresente. Sempre está lá quando uma coisa que teria tudo pra dar certo... não dá. E obviamente ela não poderia deixar de dar as caras no trânsito, o lugar onde há uma grande, mega, infinita propensão a merdas. Ô lugarzinho bom de dar merda que é um aglomerado de gente estressada, presa em forninhos com rodas, a mercê da vontade alheia e, de preferência, atrasada. Enfim, uma dessas situações se retrata quando numa via de mão única, com duas filas de carro e um longo congestionamento, você escolhe uma das duas... que é... justamente a que não anda. Lady Murphy entra em ação. Você percebe que os carros da fila ao lado começam a passar e vão embora... e você ali... estático... atrás de outro carro igualmente estático.

"Se ao menos eu conseguisse passar pro lado de lá...", pensamento que permeia todos os condutores dos carros da fila que não anda. Daí surge uma brecha e você troca de fila. Olha a Lady aí minha gente! Luz na passarela que lá vem ela! Isso mesmo! De repente, não mais que de repente a sua fila para e a que você estava começa a andar. Nesse momento você olha para o lado e constata que até o ciclista que você ultrapassou há um tempão está se dando melhor que você. E a Lady está lá, na garupa dele, te dando tchauzinho e rindo da sua cara.

Um comentário:

  1. Lady Murphy, a maior Troll de toda a história. Mal posso ver seus movimentos.
    _________

    Dá uma olhada no meu blog.
    http://www.amenteinsanadosujeito.blogspot.com/

    ResponderExcluir