quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Emulsão Scott

-Bom dia. Pega esse remédio aqui pra mim, por favor.
-Ah, sim! Pois não.
-Quanto é?
-Trinta reais.
-Beleza.
-Mais alguma coisa, senhora?
-Humm... Pega um Emulsão Scott daquele ali, por favor.
-O de morango ou o tradicional?
-Ah, me dá o de morango, porque eu tomava o tradicional quando era criança e era muito ruim.
-Ah, não... O tradicional é "pôdi".

Agradeci à moça e saí dando gargalhadas introspectivas. Meu Deus! Há quanto tempo eu não ouvia alguém falar "pôdi"! Pôdi de rico, pôdi de pobre, dente pôdi,... Recordar é viver. Além do mais, pensei comigo, só no Brasil mesmo uma atendente de farmácia emite uma opinião dessas tão naturalmente para um cliente. Fiquei me perguntando se na Suiça ou no Japão alguém faria algo semelhante. É o mesmo que entrarmos numa loja para experimentar uma roupa e a vendedora falar:
-Vixe, mas tu tá gorda, hein?! Tem de fazer uma dieta antes de querer entrar nessa roupa, moça!


Um comentário: