quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Posts

É curioso o ato de se expressar.
Quando criei o blog queria apenas escrever. Dizer o que penso, contar histórias, lorotar...
Mas hoje o blog é meio incômodo para mim, pois, as palavras uma vez lançadas não há como recolhê-las.
Estou passando por um hearthstorm (neologismo meu para brainstorm de sentimentos) e sequer posso escrever coisas sobre ele aqui, porque tudo que eu disser, poderá ser usado contra mim no tribunal. Mas são coisas fantásticas! Que não deveriam ficar presas em mim! Bem, na verdade, são fantásticas para mim, para outros podem ser fúteis, sinceras demais, óbvias, inescrupulosas, hipócritas... vai do lugar que cada leitor ocupa no contexto.
Por exemplo, numa situação hipotética de traição. O traído tem um ponto de vista revoltado, o traidor suas desculpas (esfarrapadas) e o puto (ou puta) o seu lugar de omissão, tipo, não tenho nada a ver com isso. Há parte da plateia que diz "ah, isso é normal" e outra parte dizendo "joga pedra na Geni".
Qualquer dos cinco lugares que eu ocupar e descrever a minha opinião sobre a situação, certamente estará constrangendo algum dos outros elementos envolvidos, principalmente se ainda houver qualquer vínculo entre eles. E vínculos não são como contratos de locação com prazo de vencimento. Vínculos se dissolvem com o tempo e as circunstâncias. Portanto, peço perdão aos amigos leitores pela omissão dos posts. Ideias e lorotas tenho aos montes, apenas não acho seguro dividi-las aqui. Façamos assim: marquemos um café, aí então te conto tudo que queira saber. Por ora, só assim.

2 comentários:

  1. Olá... tudo bem? Já que houve o convite para o café gostaria de saber quando a "ROSA" poderia nos ofertar um momento de diálogo? No mais.... um ótimo café a nós... e lembre-se: mal entendidos acontecem...; (ah, poderia conhecer minha a minha "ROSA" dia 09 próximo?)... o mesmo anônimo

    ResponderExcluir
  2. Caro Anônimo, que não é assim tão anônimo (risos), seria um prazer conhecer a sua Rosa. Conversas, trocas de experiências e amizades sempre são muito bem-vindas. É só marcar! Um abraço!

    ResponderExcluir