domingo, 5 de agosto de 2012

Circo e política

Num dos meus devaneios comparei o período eleitoral a um circo. No tempo em que eu era criança - lá no interior, no Xixá - a "política" (período em que candidatos faziam de tudo - tudo mesmo - para conseguir votos) era mais divertida. Tinha comícios barulhentos, com muito foguete, show em praça pública, distribuição de pipoca, churrascos gigantescos promovidos pelos candidatos... Nos comícios sempre tinham atrações da cidade e que no outro dia era assunto na cidade.
-Você foi no comício do Tito? Tava bão, né? E aqueles menininhos? Cê viu o tanto que eles cantam bem? Eles são lá do Sandra Vilela.
-Pois é... no Xixá também tem artista...
E por aí seguia a conversa...
-Eu vi falar que o Adãozinho tava no comício do Tito ontem.
-Uai! Mas ele não é braço direito do Sinval?
-É. Mas eu ouvi dizer que ele tava lá era pra conferir se não tem gente apoiando os dois candidatos, sabe?
Mas o mais divertido mesmo eram as compras de voto.
-Vai votar em quem?
-Uai, tô sem saber ainda.
-Vinte conto pra votar no Sinval.
-Nesse caso, pode me passar os sessenta conto aí porque lá em casa são três votos.
O cabra chegava em casa, todo feliz porque tinha vendido o voto dele e da mulher:
-Muié, vendi seu voto por vinte conto!
-É mesmo? E pra quem?
-Pro Sinval.
-Vixe! Porque o Leocádio do Tito teve aqui em casa hoje e eu já combinei que nós três vamos votar no homi por cem conto!

Concluindo o meu devaneio, a política de antigamente, feita no interior, parecia aqueles circos bem mambembes, com a lona furada e artistas que trabalhavam em troca de um prato de comida. Tudo era precário e sem regras. Por isso mesmo tão divertido.

O período eleitoral de hoje pode ser comparado aos circos modernos. Tudo milimetricamente ensaiado. As falas dos políticos escritas pelos melhores marketeiros do país. Não há improviso. Isso não pode! Aquilo não pode! Perdeu a graça! E me perdoe, amigo leitor, porque se você disser que política é coisa séria, eu vou ter de rir na sua cara! Taí o Mensalão que não me deixa mentir. Política no Brasil sempre foi uma piada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário